25/09/2018
Uso indevido de registro profissional
Por: Ascom/CFMV

No último mês, o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio de Janeiro (CRMV-RJ) foi avisado sobre o uso indevido de registro profissional de um médico veterinário. O profissional relatou ao CRMV-RJ que teve ciência do caso após ter contato com uma senhora que havia comprado um animal na feira de Teresópolis e a vendedora, para dar-lhe suporte, informou que havia um canil em Maricá-RJ com atendimento veterinário 24 horas.

 

Com o apoio do médico veterinário em questão, foi realizada pesquisa e solicitada uma foto da carteira de vacinação onde se descobriu que, tratava-se de fraude, pois no documento constava o seu carimbo com o nome completo, nº do seu CRMV acompanhado de uma rubrica totalmente diferente.

 

Imediatamente, o profissional contatou o CRMV-RJ e foi orientado pelo Setor de Fiscalização a ir à delegacia de polícia e registrar o Boletim de Ocorrência.

 

O médico veterinário não teve documentos perdidos, roubados ou furtados, ele só soube o que ocorria quando recebeu a ligação de uma compradora. O profissional desconhecia tanto o falsário quanto o canil na qual seu número de CRMV era utilizado.

 

Ao contrário de um caso de perda, roubo ou furto, no qual o profissional está ciente do perigo que corre ao ter seus documentos em mãos erradas, é impossível prever quando um falsário vai se apoderar do número de registro profissional indevidamente. No entanto, tão logo tome ciência do fato, o profissional registrado deve comunicá-lo ao Conselho Regional no qual está inscrito, para que qualquer irregularidade cometida pelo fraudador não gere consequências a quem foi lesado. Antes, no entanto, caso a polícia ainda não esteja ciente, a primeira providência é efetuar o registro de ocorrência na delegacia policial mais próxima.

 

A falsificação ou uso indevido de identidade profissional pode comprometer a credibilidade do profissional, gerar processos éticos e até a perda do registro. Por isso, após a comunicação às autoridades policiais, é fundamental entrar em contato com o CRMV, o mais rapidamente possível, de modo que o Sistema CFMV/CRMVs seja alertado.

 

Neste sentido, o CFMV e o CRMV-RO alertam aos médicos veterinários as

seguintes instruções quando ocorrer a perda, furto ou roubo de um documento profissional:

 

a) registro de ocorrência na delegacia policial mais próxima;

b) contato com o Conselho Regional de sua jurisdição, no qual deve ser preenchido requerimento comunicando a perda do documento e anexado o registro de ocorrência policial;

 










Deixe seu comentário





CRMV - RO

R. Buenos Aíres, n. 2.530
Bairro Embratel - Porto Velho-RO
CEP: 76.820-876
Tel: (69) 3222-2560 / (69) 3222-4840